[COVID-19] Encontre estabelecimentos essenciais abertos na sua cidade e fique informado sobre a pandemia do Coronavírus. SAIBA MAIS
Rua Engenheiro Ostoja Roguski, 690, Jardim Botânico, Curitiba - PR, CEP: 80210-170
Compartilhar:

Mapa

Fotos

Horário de atendimento

Dom à Sáb: 06:00 às 20:00

Sobre

Inaugurado em 1991, o Jardim Botânico é um dos pontos turísticos mais visitados em Curitiba. O local possui mais de 300 espécies de plantas, além de contar com um auditório, salas de exposição e um centro de pesquisas.

Outras informações

Nenhuma informação disponível ainda.

Avaliações

Avalie este local

  • Horst Günther Teske
    Realmente é muito bonito. Passar algumas horas em um pedacinho do Paraíso no Jardim Botânico de Curitiba é relaxante. Vale a pena fazer uma visita...quem não conhece com certeza vai gostar...voltarei outras vezes...
  • Ray Filho
    O Jardim Botânico de Curitiba, inaugurado em 5 de outubro de 1991, é uma área protegida, constituída por coleções de plantas vivas, cientificamente reconhecidas, organizadas e identificadas, com a finalidade de estudo, pesquisa e documentação do patrimônio florístico do País, em especial da flora paranaense. O uso de suas dependências é regulamentado pelo Decreto Municipal 1.583/2011. Contribui na preservação e conservação da natureza, para a educação ambiental, na formação de espaços representativos da flora brasileira e ainda oferece uma alternativa de lazer para a população. O nome oficial é uma homenagem à urbanista Francisca Maria Garfunkel Rischbieter, uma das pioneiras no trabalho de planejamento urbano de Curitiba. Dos seus 178 mil metros quadrados, mais de 40% de sua área total corresponde a um Bosque de Preservação Permanente, conforme a Lei Municipal nº 62 de 1986, com nascentes formadoras dos lagos. Com 458 metros quadrados, a estufa de ferro e vidro, inspirada no Palácio de Cristal de Londres, abriga em seu interior, exemplares vegetais característicos das regiões tropicais. Emoldura a estufa um imenso jardim em estilo francês com seus canteiros geométricos. Também fazem parte da paisagem chafarizes e a escultura intitulada "Amor Materno" do artista João Zaco. A mais nova atração, o Jardim das Sensações inaugurado em 2008, tem por objetivo despertar, sem o uso da visão, os sentidos do olfato e do tato. Situado nas dependências do Jardim Botânico, o Museu Botânico Municipal recebe cientistas e pesquisadores de todo o mundo em um dos maiores herbários do Brasil, com o que há de mais representativo da flora paranaense e do mundo. Acesso: Gratuito Fauna: Gambá, tatu, caxinguelê, preá, cutia, pequenos mamíferos, sapo, perereca, rã, bem-te-vi, João-de-barro, ananaí, sabiá-laranjeira, sabiá-cavaleiro, sanhaço, pomba asa-branca, chupim e gralha-picaça. Flora: Araucária, imbuia, cedro, aroeira, pimenteira, pitangueira, bromélias e orquídeas. Equipamentos: Estufa, Espaço Cultural, Museu Botânico Municipal, bistrô, jardim em estilo francês, Jardim das Sensações, lagos, fontes, pista de caminhada, sanitários públicos, loja, equipamentos de ginástica e estacionamentos. Ir a Curitiba e nao visitar um dos mais lindos cartões postais do Brasil é como não ir ao Paraná. Rende maravilhosas fotos. Vale a pena conferir e caminhar aproveitando o sol e o vento frio de um fim de tarde.
  • Taina Souza Oliveira
    Perfeito amo muito!Bom mesmo é ir sem pressa de voltar e ver o sol se por a noite chegar bem acompanhada! Muito perfeito!
  • Artur Pereira Freitas
    Fantástico. Muito bonito. Referência de Curitiba. Lindo. Vale a pena passar um bom tempo por lá
  • Alvanter Morais
    Ótimo lugar para passear com a família. Esse local é imperdível durante uma visita a Curitiba.
  • Marcos Dias
    Considerado um dos principais cartões postais da cidade, o Jardim Botânico possui uma área total de 278 mil metros quadrados composta por 40% de mata fechada com vegetações capões. No local você encontra uma estufa que abriga plantas típicas da região do Paraná e nacional. Sua estrutura é inspirada no Palácio de Cristal de Londres, com três abobadas, feita de ferro e vidro. O local também é sede de um centro de pesquisas sobre flora paranaense, além de ter o Museu Botânico Municipal, trilhas (estão fechadas ao público), lagos, quadras esportivas (futebol, vôlei e tênis), pista para caminhadas com equipamentos para alongamento e um velódromo. Também conta com o espaço cultural Frans Krajcberg com uma exposição permanente de 114 esculturas de artistas e ambientalistas. As belezas naturais se destacam com os jardins geométricos, com bancos e chafarizes. Há um bistrô que serve lanches e bebidas, e também possui uma loja de souvenir de Curitiba, com objetos artesanais e presentes de lembranças de Curitiba.
  • Edielle Moura
    Um dos primeiros lugares que fiz questão de conhecer na cidade Jardim. A organização, limpeza e educação das pessoas do sul sempre me impressiona. O Jardim Botânico é um dos principais e mais lindo pontos turísticos de Curitiba. Uma excelente opção de passeio para toda a família, perfeito para ir de dia e aproveitar toda aquela imensidão do verde e atualizar as fotos do facebook tendo de fundo, os vitrais do monumento muito bem preservado. Dentro da estrutura possui flores, folhas e plantas de várias partes,e, um córrego. Para comprar lembrancinhas dos pontos turísticos não é preciso desembolsar muito. Existe uma lojinha que vende várias opções do que levar, de chaveiros a chinelos personalizados, passando por camisetas, imãs,canecas e bibelôs. Vale muito a pena ir a noitinha e ver tudo iluminado.
  • Aline Alves Ferreira
    Um dos mais famosos e bonitos pontos turísticos de Curitiba o parque Jardim Botânico esta situado no bairro que atualmente leva o nome do parque (curiosidade: o bairro antigamente era denominado Capanema e mudou de nome para Jardim Botânico após um plebiscito popular em 1992). O parque é perfeito para o momento de lazer com famílias, amigos ou para a pratica de exercícios, é possível fazer caminhada, corrida e aos sábados é possível fazer aula de yoga gratuitamente. Além da famosa estufa e jardins de estilo francês, o parque conta com um museu, uma galeria destinada a exposições culturais e ambientais, espaço para pesquisa, bosque de preservação ambiental, lagos, quadras para a pratica de esportes e um velódromo. Além disso tudo, o parque conta ainda com o jardim sensorial, destinado a pessoas com deficiência visual, lá eles podem tocar e sentir o cheiro de algumas espécies de plantas, para os que não possuem deficiência visual é possível usar uma venda e ter a mesma impressão que eles têm. O estacionamento é pequeno, o que torna quase impossível conseguir uma vaga nos finais de semana e feriados. É importante citar que este é um dos poucos parques que não é permitido levar animais de estimação, andar de skate, patins ou bicicleta (só permita no velódromo). Não recomendo a lanchonete do parque, o atendimento é péssimo.
  • Renata Ferri
    O Jardim Botânico de Curitiba é um dos lugares que fazem parte da visita obrigatória para quem quer conhecer os pontos turísticos da cidade. Em estilo francês, o jardim impressiona pela beleza e pelo ambiente agradável que proporciona. É ótimo para fazer piqueniques, caminhar, correr, namorar, brincar, deitar na grama para ler um livro. Porém, é proibido levar animais, andar de bicicleta, patins ou skate. Lá, é possível visitar a estufa, galpões onde há exposições de arte e fotografia, mas o mais interessante é, sem dúvida, o Jardim das Sensações. Com os olhos vendados, você vai ser guiado através do jardim onde poderá ouvir o barulho de fontes, sentir o cheiro das flores e tocar na vegetação para tentar adivinhar qual a espécie. É muito divertido. Mas um aviso: não comam o açaí da lanchonete que fica na entrada do parque. É o pior que eu já experimentei na vida.
  • Gabriela
    O Jardim Botânico é um dos parques mais conhecidos e frequentados de Curitiba, seja pelos próprios moradores ou por turistas. O local não deixa a desejar em relação a vários outros parques europeus! Seus jardins são bonitos e bem cuidados, seguindo o estilo francês. No centro do parque há uma grande estufa aberta à visitação, onde ficam diversos tipos de árvores e plantas. O Parque possui uma pista de caminhada, onde atletas podem se exercitar e famílias podem levar seus filhos para passear e andar de bicicleta. O Jardim Botânico ainda possui quadras de futebol de areia e de vôlei, além de um velódromo voltado aos ciclistas. O local possui estacionamento, porém este é pequeno para a quantidade de visitantes.