Rua dos Coropés, 88, Institudo Tohmie Ohtake, Pinheiros, São Paulo - SP, CEP: 05426-010
Compartilhar:

Mapa

Fotos

Horário de atendimento

Fechado
Dom: 12:30 às 17:00 Ter à Sex: 12:00 às 15:00 Sáb: 12:30 às 17:00

Sobre

Da chef Morena Leite, o restaurante é moderno e com culinária contemporânea. Localizado no Instituto Tomie Ohtake, traz no buffet as opções de saladas, com folhas sempre frescas, vinagrete de abacaxi, coalhada seca e quiche do dia. Nunca falta a carne seca desfiada com abóbora. Aos finais de semana o Buffet inclui sobremesa, durante a semana é pago a parte.

Outras informações

Formas de pagamento

Diners Club - American Express - Mastercard - Visa - Visa Electron - REDESHOP - Maestro - Dinheiro

Serviços adicionais

Estacionamento - Manobrista - Acesso para deficientes físicos - Número de Lugares - Carta de vinhos - Rolha - Wi-Fi

Avaliações

Avalie este local

  • Daniela Santos
    Com instalações modernas, o Restaurante Santinho fica dentro do Instituto Tomie Ohtake, do mesmo dono do Capim Santo; e é uma ótima pedida para quem quiser fazer um programa por ali mesmo depois de uma exposição, ou ainda para degustar a excelente comida inspirada na culinária brasileira. Com mesas bem confortáveis e distribuídas pelo salão amplo e arejado, o Santinho trabalha com um Buffet de esquema coma a vontade, onde são oferecidos dez tipos de saladas e diversas opções de pratos quentes, apresentados de um jeito que você fica com vontade de provar tudo. É literalmente comer com os olhos. O Santinho faz a linha casual chique, e é muito comum encontrar além de frequentadores do Instituto, alguns dos executivos que trabalham nos diversos escritórios instalados no mesmo prédio. Como o cardápio varia diariamente, é sempre uma surpresa almoçar lá, mas pode ter certeza que algo vai te agradar. Como boa amante da culinária brasileira, experimentei a tradicional feijoada e a elegi facilmente a mais gostosa que já provei. O atendimento é muito bom, embora em dias muito cheios, a impressão que dá é que fazem de tudo pra você desocupar a mesa rapidamente. Conta com toda infraestrutura do prédio como estacionamento e elevadores e aceita cartões de débito e crédito.
  • Isabelle Constance
    A chef Morena Leite, escolheu o museu da casa brasileira como sede desse restaurante, que no almoço possui um buffet com variedades brasileiras. O lugar é um máximo.A decoração é simples, mas não precisa de muito pois a vista ao jardim do museu já vale tudo.Não parece que se está no meio da transada Faria Lima. O público é composto de executivos e descolados, que querem na hora do almoço bater um bom papo ou falar de negócios. Preço considerado normal para o tipo de restaurante.Possui vallet no local.
  • Matheus Calazans
    Sob o comando da Chef Morena Leite, tem dentro do seu buffet servido diariamente no almoço, uma grande variedade da cozinha brasileira, especialidade da chef. Os pratos servidos no buffet são muito gostosos e a apresentação enche os olhos, então, o resultado é ....repetir várias vezes para provar um pouco de tudo! O cardápio muda diariamente. Quem vai, volta... com certeza! Fica no térreo do Ed. Tomie Ohtake, entre a praça Panamericana e o largo de Pinheiros.
  • Manuel Neto
    Almoço nota.dez, a noite.fecha
  • Maria Cristina Trigo De Oliveira Sá
    nao funciona a noite,só almoço....
  • Jose Monteiro Neves Neto
    O almoço aos domingos e muito concorrido. O buffet é de comida contamporànea de primeira linha. Sirva-se de porções pequenas para poder provar o amplo número de guloseimas. Especial detalhes aos lançamentos da semana; converse com o maitre. Atendimento ráiod e cordial. E o melhor de tudo - dentro do Instituto CulturalTomie Ohtake. Um passeio ótimo - cultura e gastronomia de bom gosto.
  • Fada Azul
    Aberto apenas para almoço, oferece exclusivamente refeições em bufê. Em sistema rotativo, há várias receitas distribuídas numa única bancada. Iniciase pela seleção de saladas e antepastos, que pode incluir tabule de quinoa e babaganuche. Na seção destinada aos grãos ficam pelo menos duas variedades de feijão, além de lentilha e grão-de-bico, que podem ser combinados a arroz integral ou branco, apresentados junto de um risoto do dia, mix de sete cereais e cuscuz marroquino. Há guarnições como a farofa e o purê de mandioquinha. Em seguida, estão entre os pratos principais a carne-seca acebolada na moranga e o filé-mignon recheado de rúcula e queijo de cabra. Os clientes podem se servir ainda de tapioca e massas. De terça a sexta, prepara sobremesas, cobradas à parte, como a terrine de abóbora com coco. Tem bufê completo com doces.
  • Gisele Gomes
    Adorei!! Me lembrou a minha Minas Gerais, com as caçarolas colocadas sobre cooktops ( leia-se fogão eletrônico europeu) que mantém o calor da comida sem a insegurança que a chama proporciona. Preço honesto, lugar agradável dentro do Instituto Tomie Otake.

Baixe o aplicativo do Apontador e encontre os locais que você procura com rapidez.