Museu da Língua Portuguesa

(57 avaliações)
Compartilhar:

Mapa

Fotos

Horário de atendimento

Fechado
Dom: 10:00 às 18:00 Ter à Sáb: 10:00 às 18:00

Sobre

Inaugurado em 2006, o Museu da Língua Portuguesa é dedicado à valorização e difusão do idioma português. Com atividades para adultos e crianças, o museu apresenta a língua como elemento fundamental de nossa cultura e apresenta suas origens, história e influências sofridas.

Outras informações

Formas de pagamento

Dinheiro

Serviços adicionais

Valor entrada

Avaliações

Avalie este local

  • Priscila Bulbarelli Ferreira

    O Museu da Língua Portuguesa surgiu com uma proposta diferenciada de Museu: ser um museu que fale sobre o nosso idioma, suas variantes, seus escritores e poetas. Com exposições sobre Machado de Assis, Clarice Lispector, Eça de Queirós e ícones da atualidade como Cazuza, o museu desperta a curiosidade dos apaixonados por literatura e poesia. Seu espaço é bastante interativo e possui atrações para os mais variados públicos. Além das exposições temporárias, há no penúltimo andar sua exposição permanente que é sobre a mistura de idiomas que formam a Língua Portuguesa, suas influencias em nossas palavras, as culturas que nos apropriamos e hoje formam o nosso vocabulário, é realmente bem interessante. No último andar encontramos o cinema do museu, onde sempre há a uma apresentação sobre o surgimento da nossa língua e suas nuances, é bem interativo havendo projeções por suas paredes e poético também. Além disso, neste andar dá para ver o restante da estação de trem da CPTM Luz, sob a qual a instalação do Museu foi construída, assim como o Parque da Luz e a Pinacoteca do Estado, vale a vista. Com um prédio antigo e exposições muito interessantes é super recomendável a visita a este atrativo da cidade de São Paulo.
  • Ronaldo Marques

    Localizado no prédio da Estação da Luz, o museu de cara vai agradar aos fãs também de arquitetura: o edifício é muito bonito, construído por ingleses e com uma fantástica torre de relógio. Eu o visitei nas exposições de Machado de Assis e Jorge Amado, mas a programação é muito variada e ao visitar vale consultar o site eficiente do local para ver qual é a exposição disponível no período. Dentro das instalações, o local propõe diversas atividades e reflexões sobre o português. São poesias, textos e atividades de interação que enriquecem o vocabulário e o conteúdo de interpretação dos visitantes. Há vários computadores e telas espalhados pelos salões, criando um clima de intimidade entre o visitante e a língua. Para estudantes de vestibular, é um prato cheio para estudar e aumentar o repertório. O ingresso é superbarato e custa R$ 6, para estudantes sai pela metade do preço. Para chegar, vá de metrô ou trem e desça na Luz. O redor do local é meio perigoso e muito complicado para se estacionar, por isso, não vale a pena ir de carro.
  • Fernanda Queija Gonçalves

    Uma opção indispensável para um passeio cultural em São Paulo. Já fui cinco vezes ao museu e não consigo enjoar. Com muitas opções interativas, é ideal para ir com crianças. Alguns ambientes são fixos, mas sempre há uma exposição diferente. O cinema é incrível! Primeiro há uma sessão, contando a origem da língua portuguesa e sua aplicação em diferentes regiões do Brasil e depois há uma passagem para uma sala, onde há um jogo de palavras e poemas, exibidos por um projetor. É lindo demais! Para quem gosta de português e literatura, é um prato completo. Pertinho do metrô e bem no centro de São Paulo, é possível ir de transporte público e já aproveitar para conhecer os outros lugares culturais, como a Pinacoteca e o Museu da Arte Sacra. O serviço é incrível! Nota dez! Como nunca fui de carro, não sei como funciona o estacionamento, mas vejo que o pessoal estaciona na rua, mas parece ser bem difícil encontrar uma vaga. Aos sábados a entrada é free. Vale muito muito muito a pena!
  • Eloá Oliveira

    O Museu da Língua Portuguesa é um dos meus lugares favoritos na cidade de São Paulo, talvez porque eu seja uma amante da Língua Portuguesa, mas não só por isso: o lugar é incrível, principalmente porque é abrigado por uma construção histórica belíssima, o prédio da Estação da Luz. O prédio é centenário, mas o museu é relativamente novo, foi inaugurado em 2006, e traz grandes exposições temporárias e outras permanentes, muitas interativas, relacionadas à Língua Portuguesa, tendo como objetivos principais valorizar e difundir nosso idioma. O museu oferece também seminários, palestras e cursos (gratuitos) que versam sobre a Língua e também sobre a cultura do Brasil. Assim como todo museu, o da Língua Portuguesa destina um dia da semana, neste caso o Sábado, para entrada gratuita a todos os visitantes. Particularmente, não gosto de ir aos Sábados, pois, por ser a entrada gratuita, ele está sempre lotado, o que dificulta a fruição. No local, não há cafés ou restaurantes.
  • Marcella Zeitler

    Se você é um apaixonado por museu não deixe de conhecer o Museu da Lingua Portuguesa, ele está localizado na religião central de São Paulo na Estação da Luz, pois ele é muitissímo interessante e tem uma ótima proposta de reflexão. o museu possui um importantíssimo acervo inovador e predominantemente virtual, combinando arte, tecnologia e interatividade,bem diferente com o que estamos acostumados quando entramos em um museu, lembrando que o museu está localizado em um prédio histórico. Ele é Composto das mais diversificadas exposições nas quais são utilizados objetos, vídeos, sons e imagens projetadas em grandes telas sobre a língua portuguesa, considerada do ponto de vista de patrimônio cultural .O museu ocupa três andares da Estação da Luz, com 4.333 metros, ele é um ótimo museu extremantente rico e interessante!Não deixe de conhecer, o acesso é feito somento pelo metro e linhas de ônibus. A entrada é gratuita! Venha viver essa experiência incrível
  • Luiz Claudio Tebexreni Bezerra

    O Museu da Língua Portuguesa fica localizado na cidade de São Paulo, na Praça da Luz, especificamente dentro do prédio histórico da Estação da Luz, cartão postal da cidade de São Paulo. De muito fácil acesso, de carro, através da Av. Tiradentes, ou então de ônibus, pois na região desembarcam diversos ônibus de diversas regiões de São Paulo, além de Metro e Trem, já que a Estação Luz possui linhas do Metro (Azul e Amarela), e também da CPTM (Rubi e Lilás). É um museu interativo, sobre a língua portuguesa. Criado em 2002, como parte do programa da Lei de Incentivo a Leitura. são diversas opções de exposições. Os preços são simbólicos, com o custo de R$ 6,00, e funciona de terças feiras aos domingos (salvo algumas datas comemorativas). Uma ótima opção na cidade para passear e conhecer mais um cartão postal da cidade, além de agregar mais cultura e conhecimento.
  • Nathan Queija

    O local é muito bonito e vale lembrar que agora todas as quintas e sábados a entrada é gratuita. O acesso é fácil pelo metrô Luz só é bom avisar que dependendo do horário os arredores podem ser perigosos. Só não ficar moscando de celular na mão achando que tá passeando na praia. Sobre o museu: tem bastante coisas interativas, exposições rotativas de escritores brasileiros, entre outras coisas. Tem uma sala de cinema com um filme sobre a importância da língua e seus aspectos narrado por Fernanda Montenegro. Eu achei que o museu oferece o que o público que vai lá precisa ouvir, ver e sentir. Não é nada muito complicado e complexo em se tratando dos aspectos da língua, mas eu acredito que seja mesmo um chamado ao retorno da importância da língua materna já que parte das pessoas não se importa muito com isso. É um bom lugar pra passear e ter uma experiência diferente.
  • Amany Oliveira

    O Museu da língua portuguesa já chama a atenção logo que chegamos porque o prédio é muito bonito construído por ingleses em 2006. É bem fácil de chegar, se quiser deixar o carro em casa pegue o metrô porque ele está localizado próximo a estação da Luz linha azul ou amarela do metrô, por isso é mais fácil utilizar o transporte público fora que é difícil encontrar estacionamentos para deixar o carro e como é no centro da cidade vale uma atenção redobrada. O diferencial e o interessante do Museu é o uso da língua portuguesa e a valorização do idioma. Além disso já recebeu exposições de grandes artistas como Clarisse Lispector e Cazuza. Conta com ambientes interativos e tem uma variedade de atividades para todas as idades, mas que sem duvidas agradam ainda mais a criançada. Vale uma corrida para conhecer e desfrutar dessa nossa língua, você vai gostar com certeza.
  • Caroline Alves Bezerra

    São Paulo, sendo uma das principais capitais do Brasil, e também do mundo, possui diversas opções de lazer cultural distribuída pela cidade. Uma delas é a combinação Estação da Luz + Museu da Língua Portuguesa. O Museu fica localizado dentro da Estação da Luz, que já é um dos cartões postais da cidade, com sua arquitetura ímpar, com aquele relógio que lembra o famoso Big Ben da Inglaterra. Com uma chegada muito fácil, já que está perto da Av. Tiradentes, de rápido chegada de carro, ou pelo Metro (Linhas azul e amarela) e pela CPTM (Lilas e Rubi), o Museu da Língua Portuguesa é uma ótima opção para conhecer melhor a cultura brasileira. O museu é interativo, e possui sempre diversas exposições (que é possível acompanhar a programação pelo site), além de possuir um ótimo preço ( R$ 6,00, com opção de meia entrada) e também funcionar de terças a domingos.
  • Ashanti De Sousa

    O Museu da Língua Portuguesa é uma opção cultural que todo paulistano e turista deveria ir! O Museu fica logo na saída da estação Luz do metrô, então é melhor de de metrô mesmo porque não é fácil estacionar. Só acho bom ficar atento porque como é bem no centro eu acho uma área um pouco perigosa, então é bom ficar atento! A primeira vez que fui lá foi na exposição de celebrava o centenário do meu escritor favorito, Jorge Amado! Estava tudo lindo eu simplesmente amei! O bom que esse é um lugar que sempre tem umas exposições interessantes, há uma sala aonde tem um jogo de palavras e tem uma apresentação sobre a língua portuguesa que todos deveriam ver é muito lindo, enriquecedor, de verdade! Acho um espaço importante para a valorização da nossa língua e de aprendizado de uma forma divertida! Vale muito a pena pegar um final de semana qualquer ir conhecer!
  • Marcelo Victorino

    O Museu da Língua Portuguesa é um patrimônio histórico de São Paulo. A Estação da Luz, com sua história originadas no Século XIX, abriga o local. São Paulo é o melhor local para ter este museu, pois é a cidade possui a maior população que fala português no mundo. São três andares sendo o primeiro andar com exposições temporárias, além da administração e sala de aula para até 50 pessoas. No segundo andar existe uma tela enorme com filmes que mostram o uso cotidiano da língua. Neste andar há muitas informações como a origem da língua, suas influências, linha do tempo e equipamentos interativos. No terceiro andar tem o auditório com projeções sobre a origem da língua. A arquitetura do lugar é um show a parte. Depois você pode atravessar a rua e tomar um capuccino no café da Pinacoteca.
  • Luana Ming

    O Museu da Língua portuguesa na linda Estação da Luz é um exemplo de preservação do patrimônio cultural nacional. Tudo lá está em ótimo estado de conservação e as exposições são conduzidas com o maior cuidado e atenção. Isso é perceptível pelo nível de organização do museu, das exposições com obras dispostas de maneira intuitiva e muito instrutiva! O museu tem um tom moderno, mas o acervo é de diversas épocas, que retratam e relatam tanto o patrimônio material, quanto o imaterial da nossa língua portuguesa. Para quem gosta de ler, de escrever, para quem quer dar um passeio, o Museu da Língua Portuguesa é uma ótima opção de cultura em São Paulo. As exposições são bem variadas e expressam muito da nossa cultura nacional. Vamos valorizá-la. Visite o museu!
  • Isabela Ferreira Franco

    Tendo uma localização privilegiada, pois está em um dos pontos turísticos de São Paulo mais visitados, o Museu da Língua Portuguesa foi feita principalmente para os amantes da leitura e da nossa famosa língua portuguesa. Tendo sempre diversas exposições de escritores famosos, o museu disponibiliza de fotos dos artistas, manuscritos da época em que foi escrito livros do artista, interação multimídia, telão aonde passa toda a biografia e muito mais. Com horário de funcionamento de Terça à Domingo das 10h00 às 18h00, os ingressos custam R$6,00 e estudantes, aposentados e idosos acima de 60 anos pagam meia entrada! Recomendo ir!
  • Thalita Rodrigues

    Maravilhoso. O Museu da Língua Portuguesa é o máximo. Suas exposições sempre são interessantes, didáticas, criativas e proporcionam uma sensação ímpar para quem visita. Na maioria das exposições, tem partes que você pode interagir com tudo o que está exposto. Realmente é tudo feito com muito capricho e dedicação, para proporcionar as melhores sensações aos visitantes .
  • Thais Campos

    O museu da lingua portuguesa tem uma proposta muito interessante, promove estudo e reflexão da nossa língua de uma forma interativa, boas exposições para quem gosta de literatura, ótimo museu para quem se interessa pela cultura do Brasil, não deixe de visitar!Um local muito interessante!
  • Giovanna

    O museu da língua portuguesa é bem localizado, tem exposições ótimas e preço justo. Excelente pra quem quer fazer algum passeio e gastar pouco. Depois dá pra passear no parque da luz ou na pinacoteca. Pra quem quer fazer compras, a José Paulino é ali do lado.
  • Luis Ribeiro

    Fiz uma visita em Julho de 2006, enquanto eu ainda estudava na ETE Jorge Street. Foi um passeio fantástico. Sinceramente, eu não imaginava que encontraria um museu tão fantástico àquela época!! Aprovado. Espero que continue o mesmo =]
  • Karina Brandao

    Muito bom, indico esse museu, sempre tem exposições criativas que acrescentam muito em conhecimento, pra quem mora em SP e ainda não foi, tá perdendo, pra quem é de fora, dá um pulo aqui,.
  • Otavio Macedo

    Decepcionante. Quando visitei o museu, havia uma exposição em cartaz sobre Oswald de Andrade no primeiro andar, no espaço destinado às exposições temporárias. Não vou comentar nada sobre essa parte, porque nunca li nenhuma obra do autor e tenho muito pouca paciência com esse papo modernista de antropofagia cultural. Como já estava próximo de 12h30, horário da próxima sessão, fomos direto ao terceiro andar, onde o visitante assiste a uma apresentação de 10 min sobre a história da língua. Trata-se de uma narração (por Fernanda Montenegro) que começa explicando o que é uma língua e sua importância nas sociedades humanas. Depois, o vídeo se concentra na história da língua portuguesa, propriamente dita, narrando alguns fatos sobre as grandes navegações portuguesas e a consequente difusão do seu idioma pelo mundo. Mas o texto é tão superficial, que mesmo um aluno de ensino médio não vai aprender nada que já não lhe seja amplamente familiar. Em seguida, os visitantes são conduzidos a uma grande sala escura, em cujo teto são projetadas imagens e palavras, enquanto são narrados vários poemas, de Camões a Vinícius de Morais. Nada de muito novo, também, exceto, talvez, pela combinação de Gregório de Mattos com rap da periferia. Ao final dessa projeção, trechos desses mesmos poemas e de outros textos, como um sermão do Pe. Antonio Vieira, aparecem iluminados no chão. Voltando ao segundo andar, paramos em frente a um telão, que se estende de ponta a ponta do prédio, e no qual são exibidos filmes sobre o uso da língua. Som, imagem e tecnologia impressionam. No entanto, o assunto principal desses vídeos parece ser uma exaltação de estereótipos da cultura popular/de massa brasileira. Tem muito carnaval, frevo pernambucano, cachaça, favela e quase nada de português. Veja que não se trata de uma análise sociolinguística do português brasileiro (o que seria interessantíssimo, por sinal), mas apenas de um punhado de lugares-comuns politicamente corretos, bem ao agrado de intelectuais da PUC e quetais. Aliás, isso chega a ser irônico, uma vez que a maioria dos visitantes de um museu como esse deve ser de falantes da variedade padrão da língua, de classe média, com nível educacional médio ou superior e pouca ou nenhuma identificação com essas imagens e valores. Para quem está mais interessado nos aspectos linguísticos do português (mudanças ao longo da história, variedade de dialetos, morfologia, fonologia etc) o único conteúdo minimamente relevante está na parede oposta à do telão, onde é mostrada uma linha do tempo, que começa alguns séculos antes de Cristo e se estende até o dias atuais. De fato, são três linhas do tempo paralelas, que contam a história do latim/português, das línguas indígenas faladas no Brasil e dos dialetos bantos, falados na África. E essas três linhas se ¿cruzam¿ para formar o português Brasileiro, a partir do século XVI. Ao final da linha do tempo, o visitante pode navegar por um mapa do Brasil e ouvir amostras dos vários dialetos falados no país. É claro que os efeitos especiais, a infraestrutura e a qualidade audiovisual são de altíssimo nível. Mas me pareceu que a língua portuguesa, a qual justamente deveria ser o assunto principal, foi deixada em segundo plano neste museu. Em resumo: muita pirotecnia e quase nenhum conteúdo.
  • Nery Alves

    O Museu da Língua Portuguesa surgiu com uma proposta diferenciada de Museu: ser um museu que fale sobre o nosso idioma, suas variantes, seus escritores e poetas. Com exposições sobre Machado de Assis, Clarice Lispector, Eça de Queirós e ícones da atualidade como Cazuza, o museu desperta a curiosidade dos apaixonados por literatura e poesia. Seu espaço é bastante interativo e possui atrações para os mais variados públicos. Além das exposições temporárias, há no penúltimo andar sua exposição permanente que é sobre a mistura de idiomas que formam a Língua Portuguesa, suas influencias em nossas palavras, as culturas que nos apropriamos e hoje formam o nosso vocabulário, é realmente bem interessante. No último andar encontramos o cinema do museu, onde sempre há a uma apresentação sobre o surgimento da nossa língua e suas nuances, é bem interativo havendo projeções por suas paredes e poético também. Além disso, neste andar dá para ver o restante da estação de trem da CPTM Luz, sob a qual a instalação do Museu foi construída, assim como o Parque da Luz e a Pinacoteca do Estado, vale a vista. Com um prédio antigo e exposições muito interessantes é super recomendável a visita a este atrativo da cidade de São Paulo.
  • Lucas Reginato

    Inaugurado em 2006, o Museu da Lingua Portuguesa foi especialmente criado para aqueles que acham que museu é sinônimo de coisa antiga. Todos os ambientes são feitos com boa curadoria, mas também sempre com ferramentas multimídia que envolvem os visitantes. A ideia é muito boa - nossa lingua é moderna, em constante transformação, e o museu, que fica ao lado da estação da Luz, parece adaptado a essa realidade. Por isso é ideal para crianças, que lá podem ter uma visão mais ampla da lingua que falamos. No primeiro andar há sempre uma exposição temporária, que normalmente homenageia alguns de nossos autores, como Oswald de Andrade, Machado de Assis ou, mais recentemente, até Cazuza. Tudo foge ao ortodoxo, o que é especialmente atraente nos dias de hoje. Vale a pena checar os horários das apresentações do último andar. Lá há um filmete sobre nossa lingua, mas o que mais impressiona é a apresentação final, em uma outra sala, com projeções e leitura de poemas famosos. Tudo intuitivo e interativo para desfrute de pessoas das mais variadas idades.
  • Carolina Pereira

    A maioria das pessoas arruma muitas desculpas para não conhecer lugares importantíssimos para todos, como o Museu da Língua Portuguesa. Normalmente, vemos vários empecilhos para fazer um programa cultural como esse, mas aqui não tem conversa. O Museu fica num dos cartões de visita de São Paulo, na estação da Luz. É anexo à estação de trem mais bonita da cidade. A entrada? Um valor simbólico, 4 reais inteira e 2 reais a meia. Só não vai quem não quer. Além disso, as exposições são incríveis. Eles são muito cuidadosos e criativos. Não é um passeio chato, pelo contrário, é uma verdadeira experiência interativa, multimidiática, na qual você aprende MUITO! O Paço das Letras é apaixonante! A melhor exposição que fui aconteceu lá, sobre o Fernando Pessoa. Não deixem de ir e, se possível, voltem e voltem e voltem. Sempre tem algo novo para ver.
  • Marina Beatriz Caruso De Oliveira

    Adoro esse museu! Me surpreendi com toda a estrutura, tecnologia e com o acervo interativo de lá. Para os amantes da literatura brasileira e portuguesa vale muito a pena visita-lo. O acesso é muito fácil pela estação Luz do metro. O museu é extremamente grande, sempre conta com novas exposições além do acervo permanente. O que mais gostei de lá foi uma sala que parece um planetário, onde poemas são projetados no teto e em todas as paredes, em quanto uma voz vai narrando, é sensacional! O unico problema é que em algumas áreas do museu ele parece um pouco mal cuidado e sujo, principalmente a área externa, mas em termos de cultura, é muito bom.
  • Paula Donegan

    Caso queira conhecer, aproveite que tem ingresso grátis aos sábados. Não é indicado para estrangeiros, pois não há nada que mostre informações/explicações para não-brasileiros, o que acho uma pena... Eu mesma não gosto muito do museu, apesar de adorar a ideia de transformar uma parte da estação da Luz em um museu iterativo. A exibição permanente me parece focar mais na cultura relacionada com a língua portuguesa no Brasil do que focar na língua em si. obs: não tem cafeteria como a maioria dos museus.
  • Tanya

    Uma grande variedade de saberes pois existem sempre as mesmas informações. Como por exemplo não consegui olhar obras de Graciano Ramos e Pessoa. Que por sinal são precursores de nossa língua materna. Indico como Saberes incompletos. Pois por ser um.patrimônio histórico não possui tanta diversidade e nem obras Há somente documentos comprobatórios de nossa escrita. Vale a pena conhecer. Pois a grande diversidade de cultura e não de obras de arte.
  • Marcelio Pereira De Oliveira

    É de longe o meu Museu favorito, tenho profunda admiração pelo local. Gosto muito de visitá-lo, pois a cada visita costumo encontrar sempre algo diferente, no tocante a informações a respeito da nossa língua portuguesa. Um passeio até o Museu, agora, é mais que imprescindível, pois estão com uma exposição a respeito de um grande escritor. Trata-se do autor paulistano Oswalde de Andrade. Portanto, fica aí a dica! Não dá para perder!
  • Lidia Soares

    Ao contrário de outros depoimentos postados aqui, achei o Museu da Língua Portuguesa pouco interativo, embora muito interessante! São muitas passagens que contam a evolução do nosso idioma, desde os primórdios até os dias atuais, já com os termos "internetês" adaptados em nossa linguagem coloquial. Para entender, tem que gostar de ler pois, é muita informação. Uma ótima indicação cultural e de entretenimento!
  • Gabriel de Sousa Jr

    Diante de tantos depoimentos e de tanta tecnologia disponível posso dizer que vale a pena visitar o Museu da Língua Portuguesa. A interatividade não é tão grande mas tem alguns espaços exibindo temas interessantes como as frases de caminhão e os erros nossos de cada dia. Se aproveitar a tecnologia poderá ser um programa de um dia inteiro. Recomendo.
  • Alexandre Becássi Kirwan VonHelden Barbosa

    Bem... Um museu sobre lingua portuguesa que não cita um unico autor de Macau... Deveria se chamar museu do português Brasileiro. E tem dezenas, sim dezenas, de erros de linguistica. Bonito de se ver... Pouco conteudo relevante. Como dizem: macumba para turistas!
  • Thiago Ganzarolli Da Silva

    Gostei da apresentação com projeções. Fora isso tem algumas instalações interativas e uma linha do tempo da língua. Acho importante um museu sobre a língua, e apesar de não ser nada grandioso, acho que faz justiça ao que se propõe.
  • R. CAMPOS

    Sem duvida um dos melhores Museus de São Paulo, tendo como ponto forte a interatividade, sempre tendo como plano de fundo a Lingua Portuguesa. Vale apena ir até o ultimo andar e acompanhar um filme falando o historico da linhgua.
  • Luis Felipe Guerreiro

    O museu da língua portuguesa eh bem completo, a parte de tecnologia eh bem divertida, tendo interações muito interessante... O museu eh grande e bem organizado, com sinalizações e com orientadores para te ajudar... Vale a visita
  • Sheila Bloise

    É um museu da lingua portuguesa ou da literatura portuguesa? Os dois, quem for pensando wue vai encontrar um vasto conteúdo da lingua na verdade vai encontrar mais da literatura... mesmo assim valeu a experiência com a familia!
  • Erika Tomaz

    o lugar é ótimo, principalmente para quem tem curiosidades à respeito da nossa língua, que podem ser sanadas com apenas uma visita, além de atividades educativas
  • Vinicius Oliveira

    Visita indispensável para qualquer amante da língua portuguesa. Tem fácil acesso( próximo a estação da Luz) e seu ponto forte é sem dúvida a interatividade.
  • Milton De Abreu Cavalcante

    Museu da Língua Portuguesa Fica ali perto da estação da Luz Muito show de bola , muita interatividade com o público, bem divertido
  • Evandro Siol

    Ao lado da Estação Luz. É um museu da Língua Portuguesa, que por sinal, não está morta, o Português vive e fluí como um rio.
  • Andreza Ayumi Kobashigawa

    Um dos meus lugares preferidos. O cinema e a sala oculta são fantásticos e os painéis de interatividade cativam à todos.
  • Luana Schmidt

    Adorei, foi muito bom o dia em que fui ! Ainda estavam fazendo uma reportagem, apareci na Tv ! Muito bom
  • Prof. Particular De Música - Guitarra E Violão Popular - Bela Vista SP

    Visita totalmente interativa e dinâmica, o que deixa esse passeio interessante. Recomendo a visitação.
  • Pssa Mercantil Associados

    com exposicoes especiais o museu da lingua portugues e ideal para amantes e estudantes da lingua.
  • Vida Silva

    Bom, eu fui ao museu qnd era muito pequena mas adorei pretendo ir de novo assim que tiver tempo
  • Bruno Brito

    Tentei de todas as maneiras apreciar tudo, porém o acervo é grande demais para um dia só.
  • Davi Gomes

    Informações sobre a formação de nossa Língua, abrangendo análise de várias outras.
  • Larissa Rocha

    Lugar incrivel para se conhecer a historia da nossa lingua, amei
  • Brendo Martins Marinho

    Um dos museus mais interessantes de São Paulo e talvez do mundo!
  • Manuel Neto

    Museu diferente , magnífico e que cultua nossa língua pátria
  • Mariana Messias

    Muito bacana , vale a pena visitar. Bonito e muito organizado
  • Gabriel Pereira

    muito legal os andares e o modo como é contada cada historia
  • Amarílis Carvalho

    Museu super interessante e com um grande acervo.

Leve o Apontador no seu smartphone, é grátis

* Disponível somente para Android